Intoxicação alimentar nas crianças – Como evitar

0
Intoxicação alimentar nas crianças – Como evitar (Foto: Divulgação)

Intoxicação alimentar nada mais é do que uma doença causada pela ingestão de alimentos que podem conter organismos prejudiciais para o corpo daquele que ingerir o alimento. Pode ser bactérias, vírus ou até parasitas, fungos ou componentes tóxicos que possam ter entrado em contado com a comida ou bebidas, ou até mesmo estar no mesmo ambiente.

Causas

Intoxicação alimentar nas crianças – Como evitar (Foto: Divulgação)
Intoxicação alimentar nas crianças – Como evitar (Foto: Divulgação)

Na maioria das vezes a infecção bacteriana é a principal causa de intoxicação alimentar. As crianças são as mais afetadas. Estão alojados principalmente em carnes cruas, ovos, peixes e frango podendo assim se espalhar para outros alimentos. Podem estar presentes também em água ou outras bebidas.

Outra causa que não é tão comum é a infecção pela bactéria clostridium, que ao invés de atacar o intestino ataca o sistema nervoso.

Sintomas

Os sintomas nas crianças podem durar muito mais tempo que nos adultos e até os tipos mais leves podem levar a morte. Podendo ocorrer também com grávidas

A intoxicação pode provocar cólicas, enjoos, vômitos e até diarreia.

Já alguns outros tipos de intoxicação podem causar diferentes sintomas ou até mais graves como, fraqueza, formigamento em partes do corpo, confusão e ou dormência. Mas lembrando que nem sempre esses sintomas podem ser sentidos.

Geralmente a intoxicação é leve e em poucos dias desaparece. O que se pode fazer é procurar um medico ou um hospital. Mas quando se trata de intoxicação em crianças o cuidado deve ser maior e o acompanhamento médico é indispensável.

Indicações

Intoxicação alimentar nas crianças – Como evitar (Foto: Divulgação)
Intoxicação alimentar nas crianças – Como evitar (Foto: Divulgação)

O aleitamento materno ajuda a prevenir infecções de todos os tipos nas crianças.

O indicado é nunca dar carnes cruas, cuidar os ovos e sempre ter um acompanhamento medico principalmente quando for ainda um bebe ou criança mais nova.

Tomar bastante água é sempre indicado e ajuda na hidratação, pois a intoxicação ou infecção causa a desidratação. Beba também outros tipos de líquidos claros como caldos de galinhas ou legumes, pois o objetivo é repor os líquidos que são perdidos através de diarreia ou vomito.

Evite qualquer alimento ou bebida que contenha cafeína, pois ela serve como um diurético.

O cuidado ao ir a lanchonetes, restaurantes ou qualquer estabelecimento que forneça alimento ou bebidas também é indispensável, procure lugares limpos, que tenham uma boa aparência e que se saiba como são feitos os alimentos ou que seja possível visualizar a cozinha onde estes são preparados.

 

SEM COMENTÁRIOS