Com que idade o bebe pode começar a comer arroz e grãos?

0
Com que idade o bebe pode começar a comer arroz e grãos? (Foto: Divulgação)

Muitas mamães têm duvidas quanto a idade mais indicada para que o bebe possa alimentar-se de arroz e grãos em geral. Toda mamãe sempre tem dúvidas quanto a alimentação de seu bebe porem, basta seguir algumas recomendações e ter um bom medico pediatra em contato que tudo se resolve e poderá contar todo o amparo possível e necessário.

Seu bebe merece todo o carinho e atenção do mundo

Com que idade o bebe pode começar a comer arroz e grãos? (Foto: Divulgação)
Com que idade o bebe pode começar a comer arroz e grãos? (Foto: Divulgação)

Lembre-se sempre de que você, por maiores que sejam os seus problemas, sempre terá um ser inofensivo e carente esperando em casa para oferecer somente aquilo de bom que a vida tem a dar. Portanto, evite trazer à tona qualquer sentimento de tristeza e frustração e deixe o amor e a ternura tomarem conta de você, afinal de contas, ao recebermos carinho de uma criança as energias se renovam e o amor brota de forma intensa e renovadora.

Com que idade o bebe pode começar a comer arroz e grãos?

É de total conhecimento de todos que o bebe precisa e deve ser amamentado até os 6 meses de idade. Isso se dá pelo simples fato de que é somente no leite materno (que foi produzido somente para saciar a necessidade dessa criança) que ele encontrará vitaminas e diversas propriedades que darão ao bebe capacidade de evoluir e se desenvolver para o resto de sua vida.

Porem, a partir dos 6 meses de idade, o bebe já pode começar a ser inserido na realidade dos alimentos sólidos e papinhas, onde é de total necessidade que os pais tenham a devida paciência, pois introduzir uma nova realidade na vida dos pequeninos não é tão simples assim.

As papinhas podem ser feitas de:

Com que idade o bebe pode começar a comer arroz e grãos? (Foto: Divulgação)
Com que idade o bebe pode começar a comer arroz e grãos? (Foto: Divulgação)

Cereais, como arroz, milho, aveia; leguminosas, como feijão, ervilha, grão de bico, lentilha; carnes ou ovos: gado, frango, vísceras, gema de ovo; raízes, como mandioca, batata, inhame, cará, batata doce; hortaliças como couve, maxixe, taioba, cenoura e abóbora (jerimum);

Temperos como: cebola, cheiro verde, salsinha, alho e um pouco de sal. Além de dar sabor, os temperos são importantes fontes de vitaminas.

Vale a pena destacar que o alimento precisa estar totalmente amassado, pois a criança ainda não desenvolveu a habilidade de morder e não tem condições de mastigar e triturar os alimentos, pelo fato dos dentes ainda não terem nascido. Porem, com o estimulo, isso será algo que rapidamente deixará de ser um problema.

 

SEM COMENTÁRIOS